w

Acompanhem tecendoasabedoria, e fique antenado sobre diversos assuntos sobre teologia, Filosofia, Ciência, Biologia,Astronomia,Geografia, Mitologia, Literatura, Astrologia, Arqueologia, Geologia, Física, História, Religião, Culturas, Povos, Folclore,Psicanálise, Ateismo, Agnosticismo, Tribos, Rituais e diversos outros assuntos de importância a humanidade

sábado, 18 de setembro de 2010

Eu Recomendo: Distrito 9


Uma das agradáveis surpresas de 2009 está nesse 'Distrito 9', produzido por Peter Jackson (Senhor dos Anéis) e escrito e dirigido por Neill Blomkamp. Primeiramente achei que fosse mais um daqueles filmes de Aliens cheios de tecnologias que vem dominar o mundo, mas não, o filme surpreende bastante em todos os momentos. Todo feito em um formato documental, 'Distrito 9' além de ser uma bela Ficção-Científica traz ótimas cenas de ação bastante realistas.

A história é toda conduzida como se fosse um documentário (falso, é claro) de um acontecimento histórico, que conta o caso que aconteceu em Johannesburgo, na África do Sul. Uma gigantesca nave aparece no céu e se alguém espera o início de um Mega-Ataque alienígena onde o povo corre feito umas Marias arrependidas vão ser surpreender. A nave fica pelo céu por meses à fio, até o ser arrombado pelos seres humanos, e o que podemos ver é uma raça alienígena totalmente desnutrida vivendo sob condições precárias em sua nave.

Os alienígenas que são conhecidos como camarões, passam a viver pelos cuidados dos humanos numa favela chamada 'Distrito 9', que dá nome ao filme. Logicamente, nem todos estão dispostos em acolher os alienígenas, devido ao seu alto custo. Começa uma intensa batalha racial entre os humanos com os Aliens. Os humanos querem que os 'camarões' vão embora, e eles querem continuar vivendo em sua favela. Se passam 20 anos e somos apresentados ao protagonista da história, Wikus Van Der Merwe (Sharlto Copley) que trabalha para MNU, empresa encarregada de cuidar dos aliens.

O legal de 'Distrito 9' é o realismo, tudo realmente parece um documentário, quase engana. Parece que aqueles Alienígenas vivendo nas favelas são realmente reais. Tudo começa com um tom humorístico e é até engraçado ver Wikus totalmente perdido tentando fazer com que os aliens assinem uma ordem para despejo, alguns até dizem: "O que é um despejo?" e outros agem com mais grosseria. Mas a gracinha sai totalmente de cena quando começa a saguinolência e para amantes de ação vão se deliciar, as cenas são realmente bacanas, mantendo o clima original que permeou todo o início da produção.

O final traz embora satisfatório, dá a entender que teremos uma sequência. Se vierem com boas idéias, 'Distrito 9' merecia sim uma continuação. Espero que com a mesma equipe. O sucesso do filme novamente nos mostra que não precisamos de atores famosos para nos surpreender. Ninguém do elenco é conhecido, mas todos mostram-se competentes, principalemte Sharlto Copley, que interpretou o improvável herói Wikus.

Um comentário:

  1. O filme é 10. Impressionante do inicio ao fim.
    Um conceito de formato documental que nem sempre agrada, portanto em Distrito 9 esse conceito superou em tudo.

    Tem uma boa historia, bom argumento, bom roteiro, belo realismo e até um toque de romantismo.

    ResponderExcluir